Colher o pão de todo dia

Tema: Trabalho

Colher o pão de todo dia é uma publicação integrante do projeto arte br, desenvolvida sob o tema “Trabalho”, que acompanha prancha e cartão com as seguintes obras:

  • Acidente de trabalho, Eugênio Sigaud.
  • Olaria, Djanira.
  • Sem título, Sebastião Salgado.

Visualizar caderno do professor em PDF

Ficha técnica: arte br. Coord. Anamelia Bueno Buoro. Curadoria Paulo Herkenhoff. Concepção Anamelia Bueno Buoro, Beth Kok, Bia Costa, Eliana Braga Aloia Atihé, Lucimar Bello Pereira Frange, Moema Martins Rebouças. São Paulo: Instituto Arte na Escola, 2003. 8p.

Obras retratadas

Acidente de trabalho

Eugênio Sigaud

No primeiro plano, sobre andaimes, alguns operários observam o colega morto, estirado no chão, e a multidão que se aproxima. No campo do simbólico, com pequenas pinceladas à maneira impressionista, o artista define a precariedade do cotidiano do trabalho nas construções.

Ampliar imagem

Ficha técnica: SIGAUD, Eugênio. Encáustica sobre tela, 1944, 132x95 cm. Museu Nacional de Belas Artes-MNBA, Rio de Janeiro, RJ, doação do artista. Foto: Vicente de Mello.

Olaria

Djanira

Cena alegórica de trabalho rural e industrial, em uma olaria, com figuras sintéticas e composição que tende à geometrização.

Ampliar imagem

Ficha técnica: DJANIRA. Óleo sobre tela, 1966, 114x162 cm. Museu de Arte Contemporânea de Pernambuco, Olinda, doação Assis Chateaubriand. Foto: Ypiranga Filho.

Sem título, ensaio A luta pela terra

Sebastião Salgado

Close" fotográfico de três pés de trabalhadores rurais.

Ampliar imagem

Ficha técnica: SALGADO, Sebastião. Foto p.b. em papel couché, 1983, 51x71 cm. Museu de Arte do Espírito Santo Dionísio del Santo, Vitória, doada pelo artista.