Forum
Maria Cristina Bosco
Proponho como tema "O ensino da Arte Contemporânea" buscando instigar o professor a falar mais sobre a arte atual, seus valores, suas dificuldades, aceitação ou rejeição do público, sua circulação, etc.
Mirca Izabel Bonano

Caros professores, 
 
Sejam bem-vindos ao fórum de maio. Este mês iremos discutir Arte Contemporânea e seu ensino.

Este tema foi proposto pela professora Maria Cristina Bosco que pretende problematizar "O ensino da Arte Contemporânea" buscando instigar o professor a falar mais sobre a arte atual, seus valores, suas dificuldades, aceitação ou rejeição do público, sua circulação e tantas outras questões que permeiam este tema.

Convidamos o artista e professor de arte Claudio Cretti para fazer esta mediação. Claudio Cretti nasceu em 1964 em Belém, PA. Com menos de um ano, mudou-se com a família para Pirassununga, interior de São Paulo, cidade onde viveu até os quinze anos e que representou para ele uma experiência marcante de um cotidiano quase caipira. Em 1979, muda-se para São Paulo e, dois anos depois, ingressa na escola técnica IADE — Instituto de Arte e Decoração, iniciando um período de formação que vai determinar a sua escolha definitiva pela arte. Nessa época, estabelece frutíferas relações com professores como Lenora de Barros, Guto Lacaz e Cássio Michalani, entre outros. Para conhecer mais visite o site www.claudiocretti.com.br


Ao longo deste mês, pretendemos ampliar nossas possibilidades de conhecer como os professores brasileiros estão levando a arte contemporânea para a sala de aula, quais as suas principais dificuldades, os desafios e as soluções que cada qual vem encontrando.

Este é um espaço aberto para a troca de conhecimentos e relatos de experiência.

O fórum fica aberto de 29 de abril a 31 de maio de 2010. Sem dúvida é uma oportunidade para compartilhar idéias, novos desafios, dúvidas recorrentes e momentos de reflexão.

Vocês são os nossos convidados chame os amigos para partilhar esta troca.


Grande Abraço,


Mirca Bonano
Instituto Arte na Escola

Vanessa Sales Rafael
Sem dúvida, estou muito feliz em participar desse fórum!
Ensino de Arte Contemporânea é o tema de minha pesquisa monográfica.
Entrego a pesquisa no dia 29 de maio, mas será muito interessante se eu puder buscar ajuda de colegas sobre o assunto.
Eu ensino arte contemporânea, mesmo! AMO! Aprendo o tempo todo.
Dia 13, por exemplo, levarei 2 turmas a Inhotim.
Professor de arte tem que ir a Inhotim, gente!
Em 2009, desenvolvi um projeto que chamei de "Coleções", com os alunos do Ensino Fundamental. Meu projeto ficou entre os finalitas de um prêmio nacional, porém, não tinha sido desenvolvido para concorrer, portanto eu não tinha muitos registros.
Mesmo assim fiquei muito feliz e já repassei o projeto para vários colegas. Os alunos adoraram! Foi muito bom!
Quem sabe mando como relato para o Instituto?
 Já tenho um relato publicado : "A magia da fita de Moebius".

Abraços  e prazer estar aqui. Beijos!
Maria Simone Nery Da Silva Carvalho Pinto

Olá,

Me chamo Simone Nery  já ensino arte conteporânea para os alunos do Ensino Médio há três anos. No começo tive que estudar bastante para poder abordar o tema com segurança, não tinha muito material que ajudava contextualizar o tema. Mas hoje isso não acontece mais tem muitos vídeos, livros que falam a respeito. Os alunos adoram.

Josue Nazareno Farias Claudiano
O tema é por demais oportuno, visto que a necessidade em transmiti-lo, é proporcional à dificuldade de se fazer entender e, mesmo em causar interesse naqueles que sentem estranheza em sua linguagem, em se comparando com estilos de outras épocas.
Fabiana Sirvo Vilar
Acho bastante enriquecedor o tema abordado, e sugiro que façamos uma troca de experiências neste fórum. Neste momento por exemplo, estou relizando estudos sobre Artes Locativas,e utilizaçao de mídias móveis na produção de arte(celular, notebook,etc) de que modo posso atrair meus alunos para os conceitos da arte contemporânea. Atualemnte estamos cercados de tecnologias e novas ferramentas e percebemos que nossos alunos sequer estão preparados para utilizá-las corretamente. No entanto, penso que cabe à arte, aliar-se á tecnologia e realizar novas obras e tendências e o papel fundametal do profesor de arte é ser mediador e orientador na utilização desasnovas tendências. Para isso, devemos sempre estar antenados, por isso, caso alguém tenha algumas dicas sobre o assunto ou queira trocar informações, estamos aí!
Maria Cristina Bosco
Olá pessoal! Prazer em conhecê-los! Espero que tenhamos uma boa discussão em torno de um tema tão instigante...para todos nós. Gostaria de comentar a fala da Greice que nos diz que a arte contemporânea possui uma "pedagogia própria". Pode explicar melhor o que quis dizer ? Preciso entender melhor isso... abraço a todos! Abaixo reescrevo o trecho da fala da Greice: "Com certeza, a arte contemporânea traz questões muito pertinentes para o ensino da arte, pois é possuidora de uma pedagogia própria que, se explorada e apropriada pelos professores [...]
Vera Lucia Dias De Oliveira

Excelente o espaço para discussão da arte contemporânea no ensino, sou professora de educação Infantil, não tenho formação em arte, no entanto estudo muito Arte para poder atuar no cotidiano escolar infantil,  espaço para  estimular e explorar múltiplas linguagens , diálogos , criação e expressão da arte , os quais as crianças expressam  com naturalidade e ao ter contato com obras de artistas, fazem uma leitura pois, as crianças não fazem releituras e sim apropriam  da obra e passa a conhecê-la.  Olhar uma paisagem, a natureza e tudo que nela existe como: a fauna, a flora, os fenômenos naturais, também, um quadro, um grafite, um desenho, uma pintura, uma imagem, um objeto, ou uma escultura, navegar na internet, blogs de autores das historias infantis, também, contadores de historias, obras de artistas como Anita Malfatti, Di Cavalcanti, Brecheret, Tarsila, Rego Monteiro, Portinari, anônimos ..., sites infantis de conteúdo, museus virtuais e matérias pertencentes a educação infantil é deslumbrar no mundo virtual de traços, cores, odores e formas que estimula a imaginação, mexe com os nossos pensamentos, sentimentos e lembranças, são elementos que inspira o criador a atingir o ápice da criação.

Jusselia Bengert Lima
Acredito que temos duas dificuldades em trabalhar arte contemporânea: a primeira é que muitos artistas mesmo sendo "de agora" produzem uma obra "Moderna". E quando a gente vê está apresentando o moderno como contemprâneo. A outra é que a arte realmente contemporânea trabalha com muitas linguagens que não dominamos com desenvoltura e segurança: tem as performances, as instalações,as interferências, a arte virtual ou ainda ocupação de espaço. São efêmeras, circunstanciais, mutantes e muitas vezes buscam o desconforto do olho e do corpo. São imateriais...como lidar com isto?
Isaura Maria Fonseca De Brito

Olá pessoal, fico muito feliz em poder compartilhar os conhecimentos que temos e os que ainda aprenderemos com este forum.

Sou Arte educadora ha mais de 5 anos, tenho experiências em várias escolas com crianças, adolescentes e idosos. Durante todo esse tempo a escola em que permaneço até hoje é na APAE, um lugar com uma diversidade enorme de identidades, limitações, habilidades e capacidades.

A escola de hoje necessita urgentemente do ensino de Arte e que ela seja uma forma nova e diferenciada sempre, de levar aos nossos educandos a certeza de que terão um futuro melhor e que serão verdadeiros cidadão que merecem respeito e amor.

Nossos alunos gritam por socorro a cada dia, eles necessitam que acreditem em seu potencial, que sejam valorizados naquilo que eles são capazes de realizar e com a Arte eles tem a grande chance de mostrar isso ao mundo em que vivem. Seja na música, nas artes cênicas, na dança ou nas Artes Visuais. Através dela cada um será capaz de valorizar a si prórpio.

A arte em si é um campo vasto de conhecimento, envolvendo a história, o homem e suas manifestações culturais.

Em minha concepção, é uma das áreas do conhecimento mais importantes da escola, pois ela é capaz de desenvolver a aprendizagem de maneira ampla e muito rica. É atraves da Arte que o indivíduo se coloca no mundo, desenvolve senso crítico, se manifesta contra ou a favor de alguma coisa, aprende a apreciar e a respeitar o trabalho do outro, aprende a olhar à sua volta com um olhar mais poético.

Acredito que a Arte contemporânea na escola´ainda é bastante difícil para o entendimento de nossos alunos, mas ao mesmo tempo, ela revela uma forma mais livre, mais conceitual e mais envolvente de expressar-se, do contruir.

Grande abraço.

Cicero Antonio Lopes

É muito bom trocarmos idéias a respeito do ensino da Arte contemporânea na Escola, pois, todos precisamos aprender, uns com os outros a respeito, uma vez que o governo do Estado de São Paulo, A prefeitura de São Paulo, colocam os conteúdos para trabalharmos. A secretaria da Educação do Estado de São Paulo, deu inicio a  este plano em 2007, e estamos aprendendo a lidar com estas novidades dos conteúdos da arte Contemporânea.

Um grande desafio é a didática, é o "COMO" vender o peixe para nossos alunos, e principalmente... convencermos a olharem e se apaixonarem-se pelo conteùdo. É preciso um pouco de inspiração..ou muita?

Já consegui alguns progressos, Atividades desenvolvidas segundo o programa, e alguns arranjos diante da realidade do aluno. Mas me sinto engatinhando no no desenvolvimento da metodologia, estratégias. tudo ainda é obscuro, como sabemos o que dá certo com uma turma...não  dá certo outra..

Raquel Teixeira De Souza

Olá, primeira vez por aqui e em sala de aula também. Acho que a realidade do ensino de artes em São Paulo infelizmente é diferente da realidade do Rio de Janeiro, pelo menos no que diz respeito aos colégios estaduais. Estou lecionando em duas escolas há pouquíssimo tempo, e tenho enfrentado muitos obstáculos, mas o principal, é a resistência dos alunos que são do EJA Nível Médio e estudam no período noturno. Me perguntam sempre se artes "reprova" e não levam muito à sério a disciplina, quero aliar a teoria à prática e comecei pelos gravadores expressionistas brasileiros à partir do DVD do Rubem Grilo. Mesmo sendo um "movimento" já bastante difundido - meus alunos não sabiam do que se tratava -  há total estranhamento nas turmas. Tenho vontade de no próximo semestre me aventurar pela arte contemporânea mas, confesso que estou insegura, pois se "O Grito" de Munch já é de difícil aceitação para meus alunos, imaginem as obras contemporâneas. Estarei por aqui para apreciar e aprender com a experiência dos colegas. Abs.

Derli Escudeiro Godoy

olá!!

Sou professora de arte da rede pública estadual, atuando no ABC paulista, e venho tentando trabalhar arte contemporânea com os alunos do Ensino Médio, que depois de minimamente entenderem o conceito e a proposta, fazem lindas produções e gostam da experimentação. Estamos organizando nosso projeto sobre a Copa do Mundo, onde faremos performances e intervenções  no final de maio. É um desafio e tanto introduzir o contemporâneo no cotidiano da escola, uma vez que nossos alunos não fazem visitas aos museus, bienais....! Penso que falta mais vivências culturais para todos, alunos e professores.

Andréa Cristina Dos Santos Vieira
A arte contemporanea é um tema instigante para ser trabalhado em sala de aula e que também permite muita inovação no ritmo das aulas, porém a realização de atividades que envolvem esse tipo de arte fica restrito muitas vezes ao uso de vídeos, fotografias e outras mídias apenas. o importante seria vivenciar a arte contemporanea em sua totalidade. na maioria das escolas a arte tem pouco espaço para ser trabalhada, nos restringindo apenas ao espaço de quatro paredes. andrea
Silleny Maria Gomes Pinto

olá,

achei esse tema ótimo para discursão, pois ele é um tema cheio de dados e caracteristicas que se pode ser abordados neste foruns. e hoje em dia estimular o ensino de arte contemplando a arte contemporanea e suas tecnologias fará o aluno compreender uma série de acontecimentos existente ao seu redor.

bjos

silleny 

Ina Rodrigues Dos Santos
GOSTEI MUITO DESSA IDÉIA, DE CONVERSARMOS SOBRE ARTE CONTEMPORÂNEA, PENSO QUE IREI APRENDER MUITO, SÓ NÃO ENTENDI COMO ME CADASTRO PARA RECEBER MATERIAL DE APOIO POR PARTE DA ARTE NA ESCOLA. BREVE FAREI MAIS COMENTÁRIOS.
4239 visualizações | 41 respostas Faça login para responder