Forum
Monica Kondziolková
Caros professores, sejam todos bem-vindos a este fórum que dará continuidade às discussões sobre a elaboração de projetos de arte com apropriação do material arte br. Este foi o tema da última Videoconferência (VC) promovida no último dia 02 de setembro pelo Instituto Arte na Escola e pela Coordenadoria de Estudo e Normas Pedagógicas da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, através da Rede do Saber. Este espaço deverá ser dedicado para troca de experiências, dúvidas, inquietações e para obter dicas e sugestões das arte-educadoras, colaboradoras do Instituto Arte na Escola, que estiveram na VC do dia 2 de setembro: Rosa, Vênera, Bete e Eliana. Elas estarão acompanhando as discussões e animando este fórum! Gostaria de lembrar que cada professor, que participou da VC, deve identificar a qual Diretoria de Ensino (D.E.) está vinculado, conforme o combinado. Por exemplo: "Olá sou Rosana Alencar da D.E. Santos e....". Os Power Points apresentados durante a VC estarão anexos neste fórum para consulta até o final do dia! No mais, aguardo o pronunciamento de vocês e desejo sucesso! Abraço forte e bom trabalho para todos!
Vênera A. Martins De Matos
Estamos super entusiasmada pela oportunidade de podermos trocar idéias através deste fórum. Vai ser suuuppeeerr legal. Espero que muitos professores participem conosco. Estaremos sempre atentas as suas questões.... até mais
Eliana Tumolo Dias Leite
Como disse Vênera, nós estamos aguardando todos vocês , para trocarmos experiências. A cooperação é um canal maravilhoso de troca e enrequecimento cultural, não deixem de nos escrever contando a sua... Vamos lá!!!
Monica Kondziolková
monica_parte 1_final.ppt
Monica Kondziolková
Monica Kondziolková
monica_parte 2_final.ppt
Maria Rosa Mazza Chiaravalloti
É muito estimulante poder participar deste forum que se inicia, um espaço de comunicação tão importante onde poderemos compartilhar com colegas o nosso "percurso" de arte-educador, assim como as meninas, eu também aguardo com muito entusiasmo o pronunciamento de colegas, com certeza a troca será muita positiva para todos nós!
Albelice Vilma Magalhães
Oi, Eu sou Albelice da D.E Leste 4 e estou com alguns probleminhas, aí vão: Infelizmente não pude ir na vc, mas estou fazendo o possivel para me interar do assunto. Depois que tive contato com a pasta pela primeira vez, me encantei com as imagens, e já comecei a bolar um projeto. Mas quando eu li o comentario sobre a prancha que escolhi, vi que a minha leitura não era assim tão pertinente, fezendo com que meu projeto perdesse o sentido. Então eu gostaria de saber, se sou obrigada a seguir as informações que a pasta me passa sobre a imagem, ou se o projeto é unicamente em cima da imagem e do entendimento que a classe tiver sobre ela? E a outra, é se eu posso utilizar um conjunto de imagens que se ligam, ou se devo usar apenas uma imagem. Obrigada.
Vênera A. Martins De Matos
Albelice, que bom que você está conosco para podermos trocar idéias e experiências. Com relação as suas dúvidas: Primeiro : a pasta artebr é um instrumento de pesquisa do professor, à partir das suas propostas você poderá ampliar suas possiblidades. O importante é que os passos para a leitura seja seguido, para que assim você tenha uma apropriação da obra em questão. Descrever, analisar e interpretar, são super importantes, pois dará ao aluno uma possibilidade de dialogar com as imagens de forma mais abrangente. Com relação a utilização de mais de uma magem, você poderá usar uma ou mais, inclusive buscar imagnes que não estão napasta e que podem dialogar entre si, depende qual o seu objetivo. Dentro do material os cadernos podem dialogar entre si, e á partir deles você poderá ampliar trazendo outras imagens que não constam. O importante é sempre ter a imagem como foco, mesmo depois das atividades porpostas, volte sempre na imagem inicial e faça uma nova leitura, você vai ver o quanto enriquecedor será o resultado. Espero ter respondido, caso haja qualquer outra dúvida, estaremos aqui conectadas para te responder. Um abraço
Eliana Tumolo Dias Leite
Albelice, que bom ter você conosco. O material da pasta segue uma metodologia sim, utilizando 3 obras que dialogam dentro de um dos 12 temas, + um caderno contendo passo a passo a metodologia :"o ôlho que vê" ; "o olho que percebe"; "Que conta a história", etc...Sugerida pelos tutores, inclusive no final há sugestões de outros conectores para dialogarem com as obras. O material foi pensado em 12 temas permeando essas pranchas e dentro de uma linha de tempo, mas nada impede que você utilize as obras para dialogar dentro de um projeto que você já esteja trabalhando em sala de aula ou mesmo que possa criar um projeto com a utilização das pranchas fazendo a leitura das imagens e conectando com outras linguagens ou obras. O importante é que os launos possam entender os passos necessários para a leitura, como descrever, pois são portas de entradas para o entendimento maior do texto da obra.Bom trabalho!
Maria Rosa Mazza Chiaravalloti
Olá Albelice, é com muito prazer que recebo as suas questões sobre o material artebr. e saiba que estou estreando com você a primeira tentativa de resposta. Espero poder atendê-la. Primeiro, quero dizer à você que as informações e cometários contidos na pasta foram pensados e elaborados com o objetivo de orientar o professor para um estudo do material, para estruturar pesquisas e dar sugestões de encaminhamentos de aulas ou projetos. Os cadernos são como roteiros de estudos e não fecham possibilidades, ao contrário a intenção é de abrir, portanto não têm a rigidez da necessidade de serem seguidos todos os passos como se apresentam. Mesmo porque, cada escola apresenta características muito próprias de sua realidade, necessidades e contextos em um tempo e espaço que se traduzem em interesses e objetivos diferentes umas das outras. Agora , não entenda como "obrigação," mas, os primeiros passos da leitura de imagem que a pasta propõe não se constiue numa sinples receita a ser seguida, mas sim de um "exercício de leitura" que pode ser muito valioso no estudo da imagem em sala de aula, pois foi elaborado com base em pesquisas e estudos que resultam em uma metodoloia de leitura de imagem.Principalmente as etapas do caderno de estudos: o olho, o que ve?, o olho, o que percebe? são como as portas de entrada para a abertura de um diálogo com os alunos sôbre a imagem. Quanto ao entendimento dos alunos sobre a imagem, é algo que deve ser ponderado entre o que realmente está presente na imagem, o que os alunos percebem e como provocá-los para que observem melhor e percebam o que é importante "ver" e que ainda não viram. Acredito que aí entra a percepçao do professor para encaminhar um diálogo onde possa explorar ao máximo as possibilidades de leitura e interpretação da imagem. Quanto a utilização do conjunto de imagens que se ligam, fique bem a vontade e "crie", faça as conexões que considerarar importantes, necessárias e interessantes. A pasta foi "pensada" justamente de maneira para que o professor possa ulilizá-la com propriedade e de diversas maneiras e descobrir inúmeras possibilidades. Espero ter contribuido para o esclarecimento de suas dúvidas. Gostaria que você retornasse me escrevendo para continuarmos esse diálogo, também será muito bom se voçê puder escrever sobre como está estruturando o seu projeto. Abraços.
Elizabete Lucas Machado
Olá Albelice, estamos muito contentes com seu empenho em levar adiante essa estimulante proposta no trabalho de artes. De fato, no início, podemos nos sentir um pouco incomodadas com a tão vasta variedade de imagens e temas que podem ser explorados com tal material. Mas, o mais importante, foi o passo tomado por você professora, na tentativa de ir além e proporcionar novas descobertas a seus alunos. O arte br é um material que vai lhe proporcionar subsídios e estímulo, através da leitura de imagens para que você descubra possibilidades e explore os novos desafios, que aliados a sua experiência, podem lhe direcionar à uma reflexão mais elaborada sobre as necessidades de seus alunos. Este material é apenas o início, a partida de sua pesquisa. Não fique de maneira nenhuma presa a ele. Você pode usar as pranchas, os cartões e as sugestões de atividades na seqüência que lhe convier. Também poderá trazer outras imagens de livros de artes ou revistas, da internet, de posters, tudo para auxiliá-la no seu trabalho. Ex: de uma imagem de Outdoor, (trazida por um aluno ou não) pode surgir uma grande idéia para um projeto de artes, que pode envolver a leitura de imagens e o momento político que estamos vivendo agora. Abra o arte br e olhe lentamente suas pranchas e cartões, fazendo o mais importante, uma reflexão sobre cada imagem. Com certeza sua sensibilidade e conhecimento prévio vão lhe levar a descobrir uma rede de relações que serão aprofundadas no percurso de sua pesquisa. Continue em contato, estamos torcendo por seu trabalho.
Eliete Giachini De Mattos
Olá, Sou a Eliete da Leste 5. Infelizmente no dia em que ocorreu a videoconferência, eu estive com meus alunos na Sala São Paulo para assistir ao ensaio da orquestra, compromisso esse agendado desde o início do ano e impossível de desmarcar. Procurei com a direção de minha escola e descobri que não temos essa pasta. Qual o procedimento para que a nossa escola Salvador Rocco receba a pasta? Procuro sempre estar atualizada com os projetos existentes. Particuipei do VI Prêmio da escola cidadã e meu projeto foi pré-selecionado. Encaminhei os trabalhos comprobatórios à Unesp e estou na torcida pelo aguardo da resposta. Abraço a todos. Eliete
Elizabete Lucas Machado
Parabéns Eliete, por sua participação e interesse em inovar e descobrir novas possibilidades no trabalho de Artes. Estaremos torcendo por seu projeto. Quanto a pasta, este é um material que as escolas que participaram dos cursos receberam. No FAQ aqui do site, encontrei a resposta Como adquirir o kit pedagógico arte br? Atualmente o material pode ser consultado no site do Arte na Escola em formato PDF, ideal para impressão. Outra opção é procurar o pólo mais próximo e verificar a disponibilidade do material. Para localizá-lo, basta acessar o mapa da Rede Arte na Escola. Ou ainda se permanecer com dúvidas, pediríamos que você entrasse em contato pelo fale conosco diretamente com a Monica Kondziolková, ela poderá lhe responder com precisão. Continuem mantendo contato e nos falando sobre seus projetos e idéias, ainda mais , depois de receber sua pasta arte br. Abraços
Marina Matiko Yoshida
Assisti a videoconferência e tenho dúvidas: eu posso criar um mini-projeto com o material Arte BR e inserí-lo em um projeto maior já em elaboração na escola? Será necessário aplicá-lo até o dia 31 /10, ou apenas elaborá-lo? Posso acrescentar outras obras e mudar as atividades propostas, adaptando-as aos objetivos que vou propor ou preciso seguir à risca as orientações? As idéias são muitas, mas o tempo que temos na sala de aula é curto para aplicar tanta coisa. Agradeço desde de já a resposta.
Vênera A. Martins De Matos
Olá Marina, é muito legal compartilhar com você através desse fórum as idéias que vão surgindo. É importante sempre lembrar aos educadores que o material artebr é para pesquisa do professor, através dele você pode desenvolver outros projetos, inclusive com outros materiais. Partir de um mini-projeto para inserí-lo num maior é um moviemnto super legal, pois você estará partindo de uma única obra, ou caderno para compor seu projeto. Os cadernos dão algumas sugestões de atividades, mas não fique amarrada a elas, utilize-as como fonte inspiradora para você criar suas próprias atividades, que em um primeiro momento poderá até seguir as sugestões. O importante é você entender os passos da metodologia, é ter claro que a metodologia vai te dar suporte para um aprofundamento na leitura da imagem, podendo assim apropriar-se de forma mais integral, seja ela uma imagem do material ou qualquer outra imagem que venha compor seu projeto. A questão tempo realmente é fato. Temos em sala poucos minutos e temos que administrá-lo da melhor forma possível.Administrá-lo de forma a conseguir dar encaminhamento ao projeto com um começo bem aprofundado, para que o processo não fique comprometido, sem o devido valor a imagem. è necessário organizar as atividades levando em consideração o número de aulas que você terá para execução do projeto. Claro que cada turma responderá de forma diferente, uns precisarão de mais tampo e outros terão maior fluência. procure não fazer um projeto muito fechado, dando abertura para que as situações que forem aparecendo sejam contornadas sem perder o foco. Pense que um projeto tem começo, e muitos meios e o fim nem sempre é realmente o final, pois o fato de ser ter uma exposição, por exemplo, dos trabalhos realizados pelos alunos, não significa que acabou, pois a reflexão posterior, a volta a obra, sempre fazem parte do desenvolvimento da capacidade criativa do aluno. Ás vezes uma única obra nos dá inúmeras possibilidades de leituras, mesmo depois do projeto aparentemente ter acabado. A visão do aluno sobre a obra poderá ter outros questionamentos e assim teremos um trabalho mais rico e completo. Com relação a data do projeto. Serão sorteados alguns projetos para a próxima vc, onde serão feitos comentários e algumas observações. Para tanto você terá que ter o projeto escrito pronto, o encaminhamento do mesmo poderá estar em processo . Gostaríamos muito que você continuasse no fórum e relatasse como esta sendo encaminhado o seu projeto, como os alunos estão recebendo o material, para assim podermos trocar idéias e somar conhecimentos. Espero ter respondido. As outras tutoras também estarão respondendo e juntas estaremos aqui esperando seu retorno. Espero ter respondido... Um grande abraço
11178 visualizações | 205 respostas Faça login para responder